Conheçam o Peoople!

O que é o Peoople?

Peoople é uma aplicação que te permite guardar e organizar recomendaçoes de que gostas e dos teus influenviadores preferido. Podes também fazer upload das tuas proprias recomendações. É possivel comprar através da aplicação, tomando as melhores escolhas de consumo baseado nas recomendações guardadas.

O melhor de tudo é que é possivel ganhar dinheiro no app, de acorda com as visitas e recomendações guardadas do seu perfil.

Vai subindo o nível do seu perfil e já no segundo nível pode começar a ganhar um dinheiro extra.

Instalem a aplicação e sigam-me, Clica aqui, (partilho sempre varias ideias por lá)

Partilhe o post nas suas redes sociais!

Siga-me no Instagram

Siga-me no Pinterest 

Siga-me no Twitter! O blog tem agora um Twitter. Sigam lá!

Entre em contacto connosco: colourfulgirlcontact@gmail.com

Classic Blue: Decoração com a cor de 2020

Todos os anos, a Pantone lança a cor do próximo ano. Em Dezembro de 2019, publicaram a cor tendência para 2020 – Classic Blue.

Fonte: Pinterest

As escolhas da Pantone criam, todos os anos, tendências na moda, decoração e até beleza. Segundo a mesma, a tonalidade faz referencia ao céu ao entardecer e remete para a comunicação, introspeção e clareza.

“O Pantone 19-4052 Classic Blue, expressa confiança, fé e constância, além de oferecer proteção – qualidades  que nos fornecem a presença tranquilizadora e sentimentos de calma e confiança que almejamos quando cruzamos o limiar para esta nova era”, diz Laurie Pressman, vice-presidente do Pantone Color Institute, em entrevista à Forbes.

Pode usar a cor nas paredes, móveis, objetos decorativos, louças, roupas de cama e em qualquer cómodo, no entanto o meu preferido é na cozinha – tenho um gosto especial por cozinhas coloridas.

COMPRAR:

Anúncios

O que acharam desta cor? Onde a usariam? Contem-me nos comentários!

Partilhe o post nas suas redes sociais!

Siga-me no Instagram

Siga-me no Pinterest 

Siga-me no Twitter! O blog tem agora um Twitter. Sigam lá!

Entre em contacto connosco: colourfulgirlcontact@gmail.com

IN TREND: Cardigan como blusa

Foi tendência na Primavera/Verão aquelas blusas de malha de manga curta com botões ou então com um nózinho. Além de já ter aparecido em estações passadas, os cardigan usados como blusa prometem sucesso para este Outono/Inverno também.

Com tecidos mais leves, grossos, lisos, bordados, de tricô, cores neutras ou mais chamativas, esta peça promete ser tendência principalmente nesta primeira parte do Outono já que ainda não está totalmente frio, mas as t-shirts também começam a ser colocadas de lado.

COMPRAR:

O que acham desta peça? Gostam de usar? Como usam? Contem-me nos comentários 🙂

Partilhe o post nas suas redes sociais!

Siga-me no Instagram

Siga-me no Pinterest 

Siga-me no Twitter! O blog tem agora um Twitter. Sigam lá!

Entre em contacto connosco: colourfulgirlcontact@gmail.com

Anúncios

Como usar o estilo Oversized?

Esta é uma tendência entre as preferidas das apaixonadas por moda. Como o nome (oversized) explica, esta tendência consiste em usar roupas em tamanhos maiores que as suas medidas requerem. É um estilo atemporal e todos(as) podem usar independente dos gostos e tipos de corpos.

As t-shirts vintage e as calças desportivas são as peças preferidas no estilo, mas qualquer peça pode funcionar.

Fonte: Pinterest

Das minhas peças preferidas, são mesmo as t-shirts, que podem ser usadas como vestidos, com calças, calções, saias ou jardineiras e combina sempre bem. As t-shirts têm sido muitas vezes compostas com os cycling shorts (que também se tornaram tendência.)

Para seguir este estilo a regra é comprar a peça que dois números acima do seu, no entanto também vai do gosto e do quanto quer que pareça maior. A principal dica que uso para que não pareça exagerado (e com tudo muito largo) é optar por uma peça justa. Se por exemplo, a peça oversized for da parte de cima uso uma parte debaixo justa. E assim vou equilibrando o look. No entanto, há possibilidades de ser ambas as partes largas e ficar um look harmónico. Tudo vai de experimentação.

Um dos benefícios desta tendência é o conforto e por isso conquistou e continua a conquistar muitos adeptos, no entanto, também é possível usar o estilo em outros contextos, poe exemplo, mais formal..

Sem contar que é uma tendência perfeita para o Outono/Inverno. E eu uso muito nessas estações, como casacos compridos, camisas e camisolas grandes.

Contem-me o que acham deste estilo se usam, como usam, se têm mais alguma dica… E divirtam-se a experimentar!

Partilhe o post nas suas redes sociais!

Siga-me no Instagram

Siga-me no Pinterest 

Siga-me no Twitter! O blog tem agora um Twitter. Sigam lá!

Entre em contacto connosco: colourfulgirlcontact@gmail.com

Anúncios

Tendências de Moda para o Outono/Inverno 2020/2021 #2

Voltámos para completar a lista de tendências para o Outono/Inverno (caso não tenham visto a parte 1, CLIQUE AQUI).

As palavras de ordem são: sustentabilidade – a procura por matérias mais amigos do ambiente e a necessidade de proximidade com a Natureza; e o feminismo – a quebra de tabus sobre o corpo da mulher, principalmente a silhueta.

Podemos assim, ver as necessidades e questões da sociedade espelhadas na moda.

Bege e tons terrosos

Se no post anterior falámos sobre as cores fortes em blocos, hoje equilibramos com os tons terrosos que, no Outono, ganham sempre destaque.

Além de serem cores mais discretas, são sofisticadas e elegantes e podem ser incluídas em qualquer estilo.

Metalizados

Os metalizados voltam, principalmente na cor prata criando composições urbanas, modernas e dramáticas.

Efeito de pele

A aposta é usar esta tendência dos pés à cabeça em looks monocromáticos ou misturando peças de cores diferentes. Os casacos voltam ao destaque, mas em versões mais longas como o trench coat.

E já que falei da questão da sustentabilidade, na introdução deste post, tenho que pedir que opte por pele sintética.

Conjuntos Alfaiataria

A dupla calça e terno tem vindo a prova que podem sair dos looks de trabalho, também para construir looks mais despojados e casuais trocando o scarpin por ténis.

Bico quadrado

Foi umas das tendências da Primavera/Verão com as sandálias de bico quadrado e continua para as estações mais frias e pode encontrar em botas e mocassins.

Veja: Sandálias Quadradas: Tendência para a Primavera/Verão

Rústico anos 70

As tendências campestres, cores neutras e materiais orgânicos como algodão e lã, vem direto dos anos 70 para o Outono/Inverno deste ano.

Wide leg jeans

Podem ser de corte mais reto ou mais à boca de sino, mas a tendência no que diz respeito às calças de ganga é as wide leg jeans.

Xadrez

Os xadrez que tem ganho fãs a cada temporada continua na ribalta, sendo as padronagens mais geométricas e simplificadas as protagonistas.

Já viram a parte 1? O que acharam? Qual tendência acham que faltou? Qual a vossa preferida? Há alguma tendência que não deixam de usar por nada?

Partilhe o post nas suas redes sociais!

Siga-me no Instagram

Siga-me no Pinterest 

Siga-me no Twitter! O blog tem agora um Twitter. Sigam lá!

Entre em contacto connosco: colourfulgirlcontact@gmail.com

Anúncios

IN TREND: Colete de Malha

Sabem aqueles coletes que estamos habituados a ver os nossos avós usarem? O famoso tricot pullover? Bem, ele veio com tudo e conquistou o coração das fashionistas e prometem fazer sucesso neste Outono/Inverno.

São uma ótima opção para os dias mais frescos, mas que ainda não são frios o suficiente para tirar os casacos do armário.

São perfeitos para combinar com camisas, vestidos ou sozinhos. Seja em cores neutras, cores fortes, curto ou comprido, gola alta, decote em V, estampados, com apliques, o que importa é não ter medo de usar.

Compre já:

O que acham desta peça? Eu acho muito estiloso e uma peça irreverente. Qual é a vossa moda preferida do momento?

Partilhe o post nas suas redes sociais!

Siga-me no Instagram

Siga-me no Pinterest 

Siga-me no Twitter! O blog tem agora um Twitter. Sigam lá!

Entre em contacto connosco: colourfulgirlcontact@gmail.com

Anúncios

Tendências de Moda para o Outono/Inverno 2020/2021 #1

A moda acompanha as necessidades da sociedade – os seus ideais – e, consequentemente, podemos ver a evolução da sociedade refletida na moda e nas passarelas de grandes criadores.

A sustentabilidade é um conceito cada vez mais priorizado em diversas categorias, assim como também na moda e pode ver-se esta preocupação nos tipos de tecidos ou então na sensação de proximidade com a Natureza.

O Feminismo também foi um tema presente nas passarelas, com uma reformulação da silhueta (tantos dos homens como das mulheres) tornando-os mais livres de padrões.

Volume (especialmente nas mangas)

As mangas bufantes vão continuar a usar-se, principalmente com o volume na parte debaixo e também com punhos elásticos trazendo, de novo, o exagero dos anos 80.

Classic Blue

Esta é a cor eleita pela Pantone para 2020 e, como acontece em todos os anos, é rapidamente introduzida no mundo da moda.

Cropped Jeans

As calças mais curtas continuam a ganhar destaque, levando a atenção para o calçado.

Malhas

Esta é a tendência que mais vai de encontro ao conforto que cada vez mais é procurado. As malhas vão ser usadas em looks completos e, mais tarde, os tricôs.

Color Block

O color block, que foi tendência nos anos 60 e no final dos anos 80, traz aos dias frios mais alegria combinando cores e tons fortes.

Folhos e Franjas

Esta tendência está diretamente ligada à primeira já que é uma forma de adicionar volume ao look. Além das franjas e folhos, pode também tirar da gaveta as saias plisadas.

Acessórios para a cabeça

As tiaras, ganchos e lenços vieram para ficar trazendo à tona a moda dos anos 2000 com um toque atual.

Destaque nos colarinhos

O colarinho ganha destaque, sendo trabalhados de várias formas, com renda, pelo, bordados, apliques.

VEJA AQUI A PARTE 2

O que acharam destas tendências? Quais as vossas preferidas? Haverá uma segunda parte … portanto contem-me qual vocês acham que falta. Digam-me também quais as vossas lojas/marcas preferidas!

Partilhe o post nas suas redes sociais!

Siga-me no Instagram

Siga-me no Pinterest 

Siga-me no Twitter! O blog tem agora um Twitter. Sigam lá!

Entre em contacto connosco: colourfulgirlcontact@gmail.com

Anúncios

Dicas para aproveitar a luz natural

Cada vez mais, a sustentabilidade é um dos pilares da arquitetura moderna, focando cada vez mais na iluminação natural como uma prioridade.

Fonte: Pinterest

Além de ser (bem) mais económico, amigo do ambiente, também dá à casa um ar de vida, de Natureza. E eu adepta numero um da utilização de plantas – muitas plantas – na decoração da casa, acho essencial tirar o máximo proveito da luz natural, já que também é essencial para a s plantas.

O benefício económico é só uma das muitas vantagens da luz natural:

  • É benéfica para a visão, impondo menor esforço aos olhos;
  • Marca o ritmo biológico, mantendo o padrão de sono equilibrado, tornando-se benéfico também a nível psicológico;
  • Estimula a produção das “hormonas da felicidade” – endorfina – responsável pela sensação de bem estar;

Sempre tive em mente que quando construir uma casa vou querer que tenhas grandes fachadas de vidro, muita luz natural. Uma das principais razões é que sinto que a luz – ou falta dela – interfere muito com o meu humor (já é provado esta interferência) e a outra é que acho esteticamente bonito.

Há várias formas de tornar a luz natural um ponto central da arquitetura e decoração de uma casa.

Fachadas de vidro

Esta é uma das técnicas mais conhecida, sendo também a que melhor funciona. Opte por colocar as fachadas de vidro (ou até as janelas) nos locais onde há mais incidência solar durante o dia e onde não haja nada, como arvores, a obstruir a sua passagem.

Fale com um profissional para escolher o melhor vidro, mas aconselhamos o vidro laminado ou temperado e com proteção UV, para o proteger a si e à sua mobília.

Se decidir colocar uma cortina, devido à questão da privacidade, opte por aquelas que abram totalmente.

Cores Claras

Temos no site, vários posts dando destaque a várias cores na decoração da casa, umas mais claras e outras mais escura. E claro que as pode continuar a usar, mas se quer uma casa mais iluminada não as escolha como cores dominantes, focando no branco e nas cores mais claras.

Espelhos

Use e abuse dos espelhos! Não é uma técnica muito conhecida, mas os espelhos ajudam a refletir as luzes, e são acessiveis em termos de preço.

Opte por colocá-los e frente a janelas para tirar o máximo partido.

Tetos e portas de vidro

Os tetos de vidro são uma ótima opção para usar por exemplo, em pátios ou varandas, protegendo da chuva, mas mantendo a passagem da luz natural. As portas de vidro são uma ótima opção para deixar a luz passas entre divisões.

Acabe com as paredes (ou substitua-as por vidro)

Cada vez mais, vemos casas com o mínimo de paredes possíveis, sendo uma das tendências do momento. Na verdade, esta também é uma técnica para deixar a casa mais iluminada deixando a luz percorrer mais espaços da casa.

Pode optar também por dividir estes espaços com paredes de vidro.

Claraboias

As claraboias pertencem ao grupo de Iluminação Zenital assim como os telhados e tetos de vidro, e este tipo de iluminação refere-se à entrada de luz pela parte de cima.

As claraboias consistem em aberturas feitas no teto, deixando a luz entrar devido a estruturas transparentes, normalmente feitas de acrílico ou mesmo vidro.

Iluminação Tubular

Este tipo de iluminação consistem em usar tubos metálicos para direcionar a luz ao local pretendido. Tem mais vantagens do que as comuns claraboias, já que direciona a luz a qualquer comodo e não precisa de limpeza tão frequente.

Decoração

Mobília de superfícies lisas e brilhantes, assim como o piso, ou outros objetos deixam o espaço com uma sensação visual de mais claridade.

Cimento translúcido

Esta foi uma das minhas últimas descobertas, enquanto fazia pesquisa para este post.

Foi Áron Losonczi, um arquiteto húngaro que apresentou a invenção ao mundo em 2001. É um material resistente como habitual cimento, porém é constituído também por fibras óticas permitindo a passagem considerável de luz.

Este material torna-se mais vantajoso do que o habitual cimento, como a maior maleabilidade e impermeabilidade, peso 30% menor, menos chance de rachadura e infiltrações e claro a possibilidade de entrada da luz.

Anúncios

O que acharam? Faltou alguma dica? Contem-me o que acham do aproveitamento da luz natural nos comentários.

Partilhe o post nas suas redes sociais!

Siga-me no Instagram

Siga-me no Pinterest 

Siga-me no Twitter! O blog tem agora um Twitter. Sigam lá!

Entre em contacto connosco: colourfulgirlcontact@gmail.com

Anúncios

Dicas para uma PELE SAUDÁVEL

Ter uma pele saudável é, cada vez mais, um objetivo a atingir por mais pessoas. Durante muito tempo, achei que o aspeto da minha pele era o seu aspeto natural e que nada podia fazer, mas não! Eu não tratava da minha pele e, por isso, ela ia continuar com os seus problemas e cada vez, piorando mais. Quando percebi que a saúde da minha pele, dependia, exclusivamente, de mim (e não de qualquer outro fator externo), comecei o processo de cuidado – que não é fácil, já que é preciso investigação, tempo e paciência até começar a encontrar produtos e cuidados que funcionam.

Os produtos e cuidados que funcionam variam de pele para pele, mas há regras básicas que se aplicam a todos os tipos de pele (que variam e até mudam ao longo do tempo).

Conhecer o tipo de pele (e usar produtos adequados)

Conhecer o seu tipo de pele, deve ser o primeiro passo, para depois conseguir perceber que tipo de produtos podem resultar. Para este diagnóstico, pode consultar uma dermatologista especializada, ou tentar perceber por si – investigando e testando.

Veja: Descubra o seu tipo de Pele

Usar produtos que não sejam adequados ao seu tipo de pele pode, não só agravar os problemas existentes, mas também o aparecimento de lesões, alergias, irritações.

Limpeza

O seu tipo de pele, nesta etapa, apenas influencia na escolha dos produtos certos – já que deve limpar a pele duas vezes por dia (ao acordar e antes de deitar), SEMPRE.

Limpar deve ser o primeiro passo, obviamente. Lave o rosto com sabonete (ou produtos de limpeza com outras fórmulas) adequado para o seu tipo de pele e NUNCA durma com maquilhagem. Depois é a hora de tonificar (ATENÇÃO: em peles oleosas deve utilizar um tónico adstringente).

Todos os tipos de pele precisam de hidratação, inclusive as peles oleosas.

De noite pode optar por ácidos para o tratamento da pele (clarear, regenerar ou antioxidante).

De manha, complete a rotina com protetor solar.

Proteção Solar

Este era o passo que, quando comecei a cuidar da minha pele, achava menos importante. ESTAVA COMPLETAMENTE ERRADA! Depois da primeira semana de uso de protetor solar, comecei a notar mudanças significativas na qualidade da minha pele.

Além de proteger contra raios UVA e UVB, previne o envelhecimento da pele, o aparecimento de manchas, flacidez, rugas e claro, também de cancro da pele.

DEVE SER USADO TODOS OS DIAS!

Outra dica importante é: ter um protetor para o corpo e outro para o rosto, já que a pele do rosto é mais sensível. E claro, precisa de ser adequado ao seu tipo de pele.

Alimentação e Hidratação

Pode parecer insignificante, mas a verdade é que para uma pele saudável é preciso uma alimentação saudável. Além da alimentação, a pratica de exercício físico também influencia a qualidade da pele.

Beber bastante água também é essencial para a saúde da pele.

Ou seja, tratar a pele de dentro para fora.

Sono

Sabe aquela expressão de «sono da beleza»? Bem, percebi que uma boa rotina de sono influencia na qualidade de pele, que é facilmente percebido na zona abaixo dos olhos (olheiras), mas que influencia toda a pele.

É durante a noite que se dá a renovação celular, a oxigenação e a recepção dos princípios ativos dos cremes de tratamento. É também durante a noite que a pele recupera de influencias externas como temperatura, poluição, sol, …

O que acharam das dicas? Há muitas outras que se pode ter em conta, querem mais? Qual acham que faltou? E contem-me mais sobre a vossa rotina de pele…

Partilhe o post nas suas redes sociais!

Siga-me no Instagram

Siga-me no Pinterest 

Siga-me no Twitter! O blog tem agora um Twitter. Sigam lá!

Entre em contacto connosco: colourfulgirlcontact@gmail.com

Descubra o seu tipo de Pele

Para uma boa saúde da pele, precisamos primeiro conhecê-la, perceber em qual dos tipos se encaixa para assim encontrar os melhores produtos e cuidados.

Pode ser classificada em 4 tipos principais: normal, oleosa, mista e seca – no entanto aida pode acrescentar-se mais dois que não são propriamente tipos de pele, mas estados da pele, que pode acontecer em alguma circunstância e por várias razões ou causas: sensível e problemática.

Vamos então perceber as características de cada tipo de pele e as melhores soluções e produtos.

Pele Normal

A pele normal costuma ter uma textura fina e macia, com elasticidade e geralmente não há aparecimento de espinhas ou pontos negros e com poros quase imperceptíveis.

Este tipo de pele, nem é muito oleoso nem muito seco. É uma pele equilibrada, no entanto, necessita também de cuidados para que o equilibrio se mantenha: limpeza (de manha e à noite), hidratação (para que não envelheça prematuramente) e um esfoliante uma vez por semana, para remover as peles mortas.

Pele Oleosa

Este tipo de pele sobre de um excesso de oleosidade, com poros dilatados e obstruídos. Este tipo de pele tem tendência a criar pontos negros e acne. Para este tipo de pele a hidratação é fundamental, já que a sua falta faz com que as glândulas sebáceas produzam mais óleos para compensar. Este é um dos principais erros que pessoas com este tipo de pele cometem: não hidratar por achar que isso vai deixar a pele mais oleosa quando na verdade é completamente o contrário.

Produtos à base de óleos devem ser evitados, apenas abrindo a exceção para óleos de limpeza – contando que lave o rosto depois do seu uso. Este tipo de pele, precisa de uma rotina de beleza perfeita e cuidada, para neutralizar o excesso de sebo. Mascaras de limpeza e esfoliantes devem ser usados várias vezes ao mês. Para a hidratação opte por produtos com uma textura em gel que são mais leves e não obstruem os poros. Produtos com efeito matificante são uma óptima escolha para acabar com o brilho indesejado.

Pele Mista

A pele mista é caracterizada por ser oleosa na zona T e seca em outras zonas (principalmente nas bochechas). Os poros tendem a estar dilatados na zona T devido ao excesso de sebo, podendo também criar outras imperfeições nesta zona. A zona das bochechas pode variar entre normal e seca.

Para este tipo de pele é necessário matificar as zonas oleosas e hidratar as secas – pode optar por um produto com as duas funções ou um produto para cada zona. Evite produtos com acções extremas – ou muito hidratantes ou muito matificantes.

Pele Seca

Pele visivelmente desidratada, com tendência a escamação fina e propensa a irritações e aparecimento de rugas. Tem aparência áspera e com aspeto baço. e pouca elasticidade. Fica também mais sensível à irritação, vermelhidão e risco de infecção.

Para a limpeza use produtos que não contenham álcool, ácido salicílico ou outros componentes desidratantes. Para a hidratação use um sérum com ácido hialurónico e depois um creme hidratante e use uma máscara hidratante uma vez por semana. Beber muita água é fundamental para a saúde de todos os tipos de pele, mas na pele seca é um fator importante. Os óleos são uma ótima escolha para este tipo de pele.

Pele Sensível

Este tipo de pele reagem facilmente a fatores externos como poluição, stress, luz do sol, etc. com tendência a vermelhidão e irritação e sensação de comichão e secura e em casos mais extremos pode causa alergias.

A pele sensível precisa de produtos para acalmar e manter a barreira protetora da pele, ao mesmo tempo. Para a limpeza use produtos suaves, Em seguida use um tónico para acalmar a pele e restaurar o pH, por final use um hidratante com textura leve. Evite produtos com álcool ou outros ingredientes que possam irritar a pele.

Pele Problemática

Sofre de acne, pontos negros, poros dilatados e com textura e tom não uniforme. Este tipo de pele é um estado avançado da pele oleosa. É essencial controlar a oleosidade que diminui o aparecimento da acne, mas também um produto para tratar a inflamação causada pela acne.

É necessário escolher produtos adequados para ao tratamento da pele acnéica. Invista em uma limpeza em profundidade, em seguida acalme a pele com um tónico e depois um hidratante não comedogénico e por fim trate diretamente nas zonas problemáticas.

A minha pele

Como é obvio a pele vai mudando ao longo do tempo e nem sempre se encaixa em apenas um destes tipos. Por exemplo, a minha pele nunca foi oleosa – começou a ser a partir dos meus 19 anos. Hoje classifico-a como problemática, com tendência acneica, no entanto devido à irritação causada pela acne ela também tende a ficar sensível.

O importante é conhecer a sua pele e os seus vários estados, que vão variando e perceber quais os produtos que melhor resultam.

Ainda têm alguma dúvida? Deixe nos comentários 🙂 E gostariam de saber qual os melhores produtos de maquilhagem para cada tipo de pele?

Partilhe o post nas suas redes sociais ❤

Siga-me no Instagram

Siga-me no Pinterest 

Siga-me no Twitter! O blog tem agora um Twitter. Sigam lá!

Entre em contacto connosco: colourfulgirlcontact@gmail.com